Cotidiano - Base desalinhada

Indique a um amigo.

Incorporar ao seu site

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

Olha aí, M.R., a decoração de natal da minha cidade.

Autor: Pedro Cesar da Silva - Rio Branco - AC

Ei, mas espera aí. O Wellington Angelo me mandou uma foto muito parecida falando que essa é a decoração de Natal de Poços de Caldas (MG). Será que existe uma empresa especializada fazendo propaganda subliminar de bilaus nas cidades brasileiras?
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

M.R., em meio a todas estas falácias de separar ou dividir o Brasil, lembrei-me de que Elba Ramalho já apresentava uma versão, digamos, interessante disso, já há muito tempo:

Autor: Davi de Oliveira - Formosa - GO

Eu nem devia estar publicando isso. É genial mas, infelizmente, pouca gente hoje vai entender que essa é uma resposta irônica - com afirmação positiva de sua identidade - do espírito nordestino.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

ala, MR! Acompanho diariamente o seu site, delicio-me com a argúcia e a fineza de seu humor, leio sofregamente a seção de e-mails comentados. Sou, enfim, um admirador confesso, mas que sempre quedou incerto em comentar ou mandar qualquer e-mail.
Pois bem, hoje larguei mão dos escrúpulos e resolvi recorrer às suas ponderações sentimentais. Terminei neste ano o curso de Direito, já tenho em mãos a sonhada credencial da OAB e, no decorrer do ano, pedi em noivado a garota que namorei por quase toda a faculdade. Sempre a amei, sem dúvidas, malgrado uma série de problemas com os pais dela, mais conservadores que o habitual e conveniente, com a dissonância de interesses (optamos por carreiras bem distintas) - enfim, uma série de aspectos. Nunca fui alvo de uma paixão abrasiva, embora, indiscutivelmente, tenha o maior tesão e adore transar com ela tanto quanto possível (embora sem a frequência que eu almejaria). Contudo, de uns tempos para cá, comecei a ter uma certa nostalgia da vida de solteiro.
Durante o namoro fiquei com algumas meninas - uma coisa bem ocasional -, mas, no noivado, não tinha feito nada até há pouco tempo, quando reencontrei uma amiga do passado, com quem rolou uma química e com quem iniciei um caso bem tórrido.
Estou dividido, já que sinto uma volúpia de adolescente ao estar com essa amiga (talvez apaixonado), mas, ao mesmo tempo, continuo amando minha noiva, embora tenha ciência de que há muitas possibilidades de que, para ficarmos juntos, teremos ambos que sacrificar planos e metas - o que não aconteceria na hipótese de ficar com o meu affair, que faz o curso de Direito e tem interesses similares aos meus.
Poderia dar-me uma orientação a partir de sua sempre acertada e instigante verve? Forte abraço

Autor: Noivo Dúbio - Braço do Norte - SC

Preclaro internauta advogado, acho que sua missiva traz, em si embutida, a resposta do meu dilema. Parece-me claro que, embora não haja ainda jurisprudência sobre o tema, que... cê já tá noutra.
Qual o futuro de um noivado sem "volúpia adolescente" e sem sinergia para convergir os planos de um futuro a dois?
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

M.R., fui convidado por uma amiga para sair com ela e mais duas mulheres (amigas dela). Ela é bissexual e tá querendo curtir também.
Claro que aceitei na hora!
Mas agora estou preocupado: tenho certeza de que não aguentarei três umlheres. Tem algumas dicas? Ajuda aí!

Obs.: A "saída" será nesta sexta-feira, se me ajudar semana que vem eu conto como foi! Haha

Autor: Gabriel - Curitiba - PR

Ah, que orgulho macho de pegar três, hein, Gabriel? Duas boas notícias: se o trio é bissexual, sua participação não é assim tããããão importante. Elas sabem perfeitamente se divertir juntas, Senhor Detentor do Pênis Supremo.
A outra boa notícia é que, se eu fosse seu médico, mandaria você tomar um comprimidinho de Ciallis e correr pro abraço.
Mas não sou.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

A imagem é antiga, mas vale lembrar que Angeli retratou a verdade sobre esse feriado.

Autor: Diego Fernandes - Franca - SP

Exatamente. Essa é uma daquelas charges clássicas, que vão aparecer pra sempre em estudos acadêmicos e livros didáticos. E ainda há quem negue essa verdade.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Congresso joga duro com a Dilma!