Futebol - Time globalizado

Na final da Libertadores, o Grêmio é o Brasil! Ou quase!

Reprodução automática

Comentários

Queijo curado

Autor: Denise - Köln - RJ

MR, nao pude evitar a conexão com você... Tô falando do queijo, uai!

Queijo curado

Tudo bem, Denise. Entendi e me sinto honrado. Quejim, curado ou fresco, é bão dimais da conta.
Mauricio Ricardo

Autor: Renato Ferreira - Colinas do Tocantins - TO

Passando por uma marmoraria aqui na cidade me deparei com essa placa! Sem comentários!!!!! Vou fazer uma também!!!!!

Ótima ideia, mas...

Ótima ideia, mas... se você vai fazer uma placa, porque já não proíbe as 24 horas do dia? Já pensou que saco eles te perturbando depois do expediente?
Mauricio Ricardo

Autor: Rafael Peruzzo Jardim - Porto Alegre - RS

A ocasião faz o furto. O ladrão já estava feito.
(Sobre a Reflexão Profunda de 22/8)

Exatamente. Me lembrou aquela história da jovem que perguntou ao pai a diferença entre teoria e prática. Ele perguntou: "Por dez milhões de reais você iria pra cama com um estranho?". A filha, sincera: "Uma única vez? Dez milhões? Ah, pai... Iria sim!". E o homem explica: "Então, filha: na teoria você poderia ter dez milhões de reais. Na prática, você é uma prostituta!".
Mauricio Ricardo

Piada infame do dia

Autor: Carlos Henrique - Porto Velho - RO

Quero agradecer a Deus por mais um livramento que passei nesta manhã: ao sair de casa logo cedo, fui abordado por três ladrões, que graças a Deus só pediram meu voto!

Você tá precisando orar mais. Eu tenho tido a bênção de não ser abordado por nenhum. A não ser, claro, através do Facebook, que anda um saco com tanto candidato.
Mauricio Ricardo

Autor: Cáster Sales - Fortaleza - CE

Agora tá dando na Folha que o governo e o STF tão desconfiando que a Lava Jato estava investigando outros ministros do Supremo além do Toffoli, e que teria uma briga entre procuradores ligados ao Janot e os da Lava Jato, e que estes últimos seriam os responsáveis pelo vazamento da delação sobre o Toffoli, porque o grupo do Janot foi contra incluir o nome do ministro do Supremo no acordo de delação, já que as informações da empreiteira não configurariam crime nenhum. Não sei, mas tô com a impressão de que tem algo muito errado acontecendo.

Impressão? Impressão? Negar a delação premiada do dono da OAS foi a pá de cal na imparcialidade do processo.
Eu, que já comemorei e soltei rojão, ando muito, muito broxado com a Lava Jato, cada dia mais seletiva e impregnada de interesses escusos. Lamentável.
Mauricio Ricardo