Eleições - Classes sociais e o voto

Indique a um amigo.

Incorporar ao seu site

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

Existe coisa mais linda que uma criança dormindo na barriga da mãe?

Autor: Letícia - Belo Horizonte - MG

Hã... Tem. É quando a mãe dorme com os pezinhos cobertos, pra não pegar um resfriado.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

Quem sabe ajuda o povo a entender que nem só de coxinhas e petralhas vive o Brasil!
 

Autor: Aline Cássia Santos - Itabira - MG

Eu já estava gostando. Quando ele fez joinha pro Charge, então! Hahaha. É isso aí. Disse tudo
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

Mais direto é impossivel.

Autor: Everton Gil - Sorocaba - SP

Que injustiça contra os colegas. Mais um que não sabe que a fórmula do sucesso de venda das canetas Bic é o composto químico que faz ela evaporar depois de algumas semanas de uso.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

É isso que eu considero uma piada pronta!!! kkkkk

Autor: Abgar Julaino Faria - Birigui - SP

Hmmm... Conceitualmente é uma piada feita, não pronta. Mas é boa, embora bater no Rubinho seja tãããão 2002...
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Terça-feira, 28 de Julho de 2015

 Sobre o e-mail "Reflexão profunda" do dia 27 (a preguiça das pessoas para lerem livros, consumindo informação só pela TV), acho uma discriminação. O importante não é a mídia (TV, Livro, Audios, etc): o importante é o conteúdo. Tá aí cinquenta tons de cinza aí pra provar que não estou mentindo. Vide coisas originais na TV como series (Breaking Bad), Filmes (existem vários que são tão bons quanto grandes livros consagrados) e programas de TV (embora esses sejam mais raros que chuva no deserto). O problema é que se generalizou o uso da TV para atingir as massas com menos acesso a cultura.

Autor: Jackson de Oliveira Lima - Ouricuri - PE

Uma coisa não tem nada a ver com a outra. São formas diferentes de arte! Claro que existem produções imperdíveis na TV, e que o cinema pode ser simplesmente maravilhoso.
O problema é que, estatisticamente falando, o brasileiro lê muito pouco. Pior: poucos brasileiros CONSEGUEM ler textos longos.
E quem não lê texto longo dificilmente se aprofunda em qualquer tema, neste mundo onde a abundância de informação faz quase tudo morrer na superficialidade.
Mauricio Ricardo

Comentar ou ler comentários - Escreva para esta seção

Começamos uma série muito instrutiva sobre as eleições!